Bolsonaro anuncia Ricardo Velez Rodriguez como ministro da Educação

Por Metro Brasília

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) anunciou nesta quinta-feira (22), no Twitter, que o futuro ministro da Educação será o filósofo colombiano Ricardo Vélez Rodríguez.

“Vélez é Professor de Filosofia, mestre em Pensamento Brasileiro pela Pontifícia Universidade Católica do RJ, Doutor em Pensamento Luso-Brasileiro pela Universidade Gama Filho, Pós-Doutor pelo Centro de Pesquisas Políticas Raymond Aron, Paris, com ampla experiência docente e gestora”, escreveu Bolsonaro.

O nome foi anunciado após longa novela e negociação com aliados. Até então, quem era cotado para assumir o cargo era o diretor de articulação e inovação do Instituto Ayrton Senna, Mozart Neves Ramos. A escolha, contudo, desagradou membros da bancada evangélica.

Foi sugerida, então, a nomeação do procurador da República Guilherme Schelb, que foi apoiado pelos parlamentares, maiores apoiadores de Bolsonaro.

“[Schelb] pensa a educação como o presidente Bolsonaro e como 99% da Frente Parlamentar Evangélica”, disse mais cedo ao Metro Jornal o deputado federal Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ), líder da bancada evangélica no Congresso.

Neves tinha um encontro com Bolsonaro agendado para a manhã de ontem, mas a reunião acabou desmarcada. Schelb esteve com o presidente eleito, mas disse que houve apenas “uma conversa de apresentação”.

Em seu blog, Vélez escreveu que aceitou o convite de Bolsonaro e que honrará o lema “mais Brasil, menos Brasília".

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo