Lula depõe nesta quarta-feira sobre o sítio

Por Metro Jornal

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva prestará depoimento hoje, a partir das 14 horas, na sede da Justiça Federal em Curitiba, no processo em que é suspeito de receber propina por meio de reformas em sítio em Atibaia (SP).

Será a primeira vez que Lula deixará a Superintendência da PF (Polícia Federal) em Curitiba, desde o dia 7 de abril, quando foi preso após condenação em outro processo. Ele será ouvido pela juíza substituta da 13ª Vara Federal de Curitiba, Gabriela Hardt.

O MPF (Ministério Público Federal) acusa Lula de ter recebido propina das construtoras Odebrecht e OAS em troca de obras no sítio. Segundo o MPF, o valor chegou a R$ 870 mil (R$ 700 mil da Odebrecht e R$ 170 mil da OAS). Outras 12 pessoas são rés na ação.

Em depoimento na semana passada, Emílio e Marcelo Odebrecht, ex-executivos da empreiteira, disseram que as obras foram solicitadas pela mulher de Lula, Marisa Letícia, morta em 2017. Na segunda-feira, o empresário Fernando Bittar, um dos donos do sítio, disse que o valor das obras foi “superdimensionado”.

Hoje também será ouvido o pecuarista José Carlos Bumlai, suspeito de pagar outros R$ 150 mil em obras no sítio. Segundo o MPF, em 2004 Bumlai tomou emprestados R$ 12 milhões do banco Schahin, que teriam sido repassados para o PT. Lula teria autorizado um contrato entre o banco e a Petrobras para quitar a dívida. A defesa de Lula nega as acusações.

O petista já foi condenado  no processo sobre o tríplex do Guarujá a 12 anos e um mês de prisão.

Movimentos sociais e parlamentares do PT farão vigílias a partir das 10h na frente da PF e da Justiça Federal.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo