Moradores põem fogo em objetos para conter reintegração de posse em São Paulo

Por Metro Jornal

Moradores de um terreno de Guaianases, zona leste da cidade de São Paulo, protestam contra uma ordem de reintegração de posse na manhã desta terça-feira (30).

O local, na rua Gerônimo Pedroso de Barros, está ocupado desde 2014 por cerca de 185 famílias. Segundo a Secretaria Municipal da Habitação, o grupo foi alertado sobre a operação, mas nem todos deixaram o terreno.

Leia mais:
Outubro Rosa: divórcio e falta de desejo sexual assustam pacientes que enfrentam câncer de mama
São Paulo terá mais áreas de ‘trânsito calmo’

A ação ocorreu por volta das 6h da manhã e os moradores resistiram formando ao menos cinco barricadas com objetos em chamas. O Corpo de Bombeiros foi acionado e equipes da Polícia Militar e da Tropa de Choque também estão no local.

Apesar da confusão, não houve enfrentamento entre os policiais e os moradores, de acordo com a secretaria. Com a saída das famílias do terreno, o objetivo é construir 968 moradias populares.

Resistência

Na segunda-feira (29), um grupo de moradores dessa ocupação em Guaianases protestou na sede da secretaria, no centro de São Paulo. O ato foi pacífico e a pasta fez uma reunião com os manifestantes.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo