Mulher teria proposto assassinato de amante para manter casamento

Por Metro Jornal

Um casal foi preso na última segunda-feira (22) pela Polícia Civil do Distrito Federal acusados de atrair um homem para uma emboscada e queimá-lo vivo dentro de um carro.

Segundo o delegado responsável por investigar o caso, Adval Cardoso, da 18ª DP (Brazlândia), a vítima, Osorino Pereira dos Santos, de 70 anos, teria uma relação extraconjugal com Rosilene Alves de Souza, de 47 anos, suspeita de cometer o crime com seu marido, Daniel Pereira de Souza, de 51 anos.

Leia também:
Horror: avó estuprava netos e compartilhava os vídeos
Idoso passa mal próximo às catracas da estação Carrão, da linha 3-Vermelha do Metrô

Ao descobrir a traição, Souza pediu a separação. Em troca, a esposa teria sugerido uma vingança contra o amante para manter o casamento.

Então, no dia 5 de outubro, Rosilene armou um encontro com Santos e o levou para uma chácara, onde seu marido os aguardava com uma faca e um revólver de brinquedo. Santos foi rendido, amarrado e agredido e, depois, levado para Brazlândia, onde foi encontrado morto em um carro completamente carbonizado.

O casal foi detido após um mandado de prisão preventiva e irá responder por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo