Equipe médica impede Jair Bolsonaro de ir a debate da Band

Por Metro São Paulo e Brasília

A equipe médica do candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) proibiu o deputado de participar de debates pelo menos até a próxima quinta-feira (18), quando uma nova avaliação da saúde de Bolsonaro será feita.

Segundo o cardiologista Leandro Echenique, o capitão da reserva está se recuperando bem, mas precisa de repouso. “Ele passou por duas cirurgias e uma infecção, mas é forte e está apresentando uma recuperação muito boa. Por enquanto, não pode viajar nem fazer exercício prolongado”, disse na porta do condomínio onde o presidenciável mora.

O cirurgião Antônio Luiz Macedo, responsável pela segunda cirurgia de Bolsonaro, disse que desde o ataque sofrido pelo ex-capitão há 35 dias, houve perda de 15 kg de massa muscular. “É necessária a reposição nutricional e proteica para a melhora das condições clínicas”, explicou.

Na próxima quinta-feira, Bolsonaro passará por nova avaliação médica em São Paulo. “Com certeza vamos liberá-lo para tudo o que for necessário”, disse Macedo.

O primeiro debate do segundo turno, que aconteceria na Band nesta sexta-feira (12), foi cancelado.

Haddad

O candidato à Presidência Fernando Haddad (PT) afirmou ontem, em entrevista coletiva concedida a jornais estrangeiros em São Paulo, que está “disposto a ir até uma enfermaria, se for preciso, para debater o Brasil”. A fala é uma alusão ao fato de que o adversário Jair Bolsonaro (PSL) ainda não pode ir aos debates por ordens médicas.

“O futuro do Brasil está em jogo e ninguém pode ser eleito sem apresentar as suas propostas ao povo”, disse Haddad.

Ainda ontem o petista disse ter recebido, durante um almoço, uma “carta de apoio e apreço” de integrantes do PSDB, sem nomear quais seriam. À tarde, ele recebeu líderes de sete centrais sindicais, que formalizaram apoio a sua candidatura.

Haddad daria, na noite de quarta-feira (10), uma entrevista ao Jornal da Band, mas o encontro foi adiado para a noite desta quinta-feira (11) a pedido da campanha do petista.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo