Quadrilha usava piloto de fuga tetraplégico em assaltos

Por Metro Jornal

Enquanto três assaltantes faziam arrastão em um bar do Jardim Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, e roubavam celulares, relógios e dinheiro na noite desta terça-feira, um carro prata aguardava na porta com um motorista pronto para iniciar a fuga da quadrilha.

Assim que os ladrões entraram, o carro partiu acelerado, sentido à Rodovia Dutra. A polícia foi acionada por testemunhas e iniciou perseguição, que prosseguiu até o km 213, quando o motorista dos bandidos perdeu o controle do carro, entrou no canteiro e capotou.

Leia também:
Jovem tem barriga marcada com canivete por usar camiseta escrito ‘Ele Não’
Na estrada há dois dias, menino de 6 anos pede socorro à caminhoneiro após acidente

Quando deram voz de prisão e pediram que os assaltantes saíssem do carro com as mãos na cabeça, descobriram que um deles, justamente o piloto da fuga, era tetraplégico. Como a quadrilha não conseguiu um carro adaptado, teve que improvisar e colocou alavancas amarradas aos pedais para que ele pudesse acelerar, frear e mudar as marchas.

Os quatro foram presos em flagrante e a polícia descobriu na delegacia que todos já haviam sido presos.

Com informações do G1.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo