Morador de rua é morto durante festa de universitários da USP

Por Rádio Bandeirantes

Um morador de rua de 29 anos morreu espancado por quatro homens durante uma festa de estudantes de direito e administração da USP (Universidade de São Paulo) no sábado (29).

O evento acontecia em frente à Faculdade de Direito, no Largo São Francisco, região central de São Paulo. O evento foi organizado por entidades acadêmicas dos cursos de Direito, Economia, Administração e Contabilidade da universidade.

As câmeras de segurança, que já estão com a polícia, registraram a agressão. Durante um minuto o rapaz tenta se defender, mas não consegue. Ele leva cotoveladas na cabeça, chutes e socos.

Depois que a vítima está no chão, os agressores fogem do local e outras pessoas chegam e acionam a Polícia Militar que aparece após 10 minutos. Ele foi identificado como Fernando Celestino de Jesus e morreu antes do resgate.

Segundo testemunhas, na festa tinham seguranças, mas eles falaram aos estudantes que os procuraram para separar os agressores da vítima que não poderiam fazer nada, porque cuidavam somente do espaço do evento.

De acordo com o boletim de ocorrência, com Fernando Celestino Jesus foram encontrados no bolso dele três vidros com substâncias líquidas, uma quantia em dinheiro e quatro sacos plásticos de maconha.

Ele era de Barretos, no interior de São Paulo, e já tinha passagem pela polícia por roubo a mão armada. Celestino de Jesus deixou a prisão em setembro, não avisou a família onde estava e, segundo parentes, usava drogas desde os 12 anos.

A morte foi registrada no 8º DP (Brás), no centro. O DHPP assumiu as investigações para tentar identificar os autores.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo