Operação Fake Money desarticula quadrilha que sonegou R$ 5 bilhões à Receita Federal

Por Metro Jornal

Uma operação da Receita Federal deflagrada nesta sexta-feira (28) desarticulou uma organização criminosa que fraudava o pagamento de tributos federais. O prejuízo na arrecadação, segundo a Receita, chega a R$ 5 bilhões.

A ação, chamada de Fake Money, cumpriu 16 mandados de prisão preventiva e 33 de busca e apreensão em cidades de São Paulo, Paraná e Minas Gerais. Agentes da Polícia Federal e do MPF (Ministério Público Federal) contribuíram nas investigações.

Entre os presos estão empresários, advogados, economistas, consultores e contabilistas. Bens como dinheiro, imóveis e veículos foram bloqueados pela Justiça.

No esquema, os acusados forneciam crédito financeiro, baseado em títulos públicos, para quitação de dívidas de contribuintes. Os suspeitos inseriam informações falsas no sistema da Receita Federal e emitiam falsos comprovantes de quitação para seus clientes.

Pelos serviços, a quadrilha pedia o pagamento do valor devido com um desconto de 30%. Mas nenhum centavo era destinado aos cofres públicos. A fraude envolveu cerca de 3 mil pessoas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo