Sabesp vai instalar hidrômetros supersônicos para coibir fraudes

Por Metro Jornal

A Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) irá monitorar à distância o consumo de água de 150 mil estabelecimentos e residências de grandes consumidores na Grande São Paulo.

Para isso, será feita a instalação de hidrômetros supersônicos nestes locais. Os equipamentos contam com a tecnologia IoT (internet das coisas, em português), que permite a transmissão de informações por meio de sensores e radiofrequência.

O objetivo do monitoramento, segundo a companhia, é “descobrir rapidamente fraudes e problemas de medição que possam sugerir eventuais perdas financeiras”. Os sensores registram e transmitem os consumos dos imóveis diariamente.

Os 150 mil consumidores que receberão os hidrômetros supersônicos representam, juntos, 45% do faturamento da Sabesp na Grande São Paulo.

Testes

Antes da instalação definitiva, a Sabesp está realizando testes com a tecnologia em 500 imóveis. Segundo a companhia, “a prova de conceito permitiu validar a eficácia da tecnologia no monitoramento de consumo”.

Questionada, a Sabesp não confirmou datas para o início da instalação dos novos equipamentos e do monitoramento.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo