Três milhões de americanos estão na rota do furacão Florence

Por Metro Jornal

O furacão Florence está em uma rota que, se for confirmada, colocará cerca de três milhões de pessoas em risco e provocará bilhões de dólares em danos materiais a partir desta quinta-feira (13) até o fim de semana, apesar de ter sido rebaixado à categoria 3 na terça (12) à tarde, com ventos máximos de 200 quilômetros por hora.

A áreas costeiras deverão ser “bombardeadas” com chuvas torrenciais, ventos fortes, erosão e tempestades não por algumas horas, mas possivelmente por alguns dias. Dezenas de milhares de casas e comércios podem sofrer com enchentes na Carolina do Norte, alertou o governador Roy Cooper.

artfura

O governador da Geórgia, Nathan Deal, preocupado que a tempestade pode trazer sua devastação para o sul, emitiu uma declaração de emergência para todos os 159 condados de seu estado.

“Estamos estimando US$ 60 bilhões em danos causados pelo ‘Florence’”, disse o fundador e presidente da AccuWeather, Joel Myers. De acordo com o meteorologista, depois dos vendavais, o maior dano dos furacões é causado pelas inundações, quando o mar enfurecido invade o interior. Myers alerta que a ajuda pode não estar disponível por dias.

A Duke Energy Corp diz que entre 25% e 75% de seus quatro milhões de clientes podem ficar sem energia nas Carolinas. O porta-voz Howard Fowler declarou que a restauração pode levar “semanas, em vez de dias”.

Da Casa Branca, o presidente Donald Trump pediu que a população obedeça as ordens de evacuação. “Se pedirem a vocês que vão embora, saiam”, afirmou Trump. “Esta será uma tempestade muito maior do que vimos em décadas.”

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo