Suspeita de mandar matar PM Juliane é presa

Por Metro Jornal

A Polícia Civil prendeu, na manhã desta segunda-feira, uma mulher de 29 anos acusada de mandar matar a PM Juliane dos Santos Duarte no mês passado. Juliane havia desaparecido depois de ir a uma festa em Paraisópolis, na zona sul. A Secretaria da Segurança Pública disse que ela teve mandado de prisão temporária expedido  e não revelou sua identidade sob alegação de que o inquérito está sob “segredo de Justiça”.

Juliane foi sequestrada por criminosos em 2 de agosto passado quando bebia cerveja com amigas em um bar em Paraisópolis. Seu corpo foi encontrado dias depois no porta-malas de um carro parado em Jurubatuba (zona sul), a cerca de 8,5 km do local onde ela havia desaparecido.

Dois homens tinham sido presos acusados de envolvimento com o crime. Felipe Oliveira da Silva foi apontado como a pessoa que abandonou a moto da policial em Pinheiros (zona oeste). Everaldo Severino da Silva foi preso depois que após denúncias anônimas o ligaram ao assassinato.   

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo