Menino que mobilizou redes sociais por transplante de medula morre em SP

Por Metro Jornal com Estadão Conteúdo

O garoto Tancrède Bouveret de Liance, de 14 anos, que mobilizou as redes sociais em sua luta para conseguir um transplante de medula em 2015, morreu nesta terça-feira (4) no Hospital Albert Einstein, zona sul da capital paulista. Ele era portador da síndrome mielodisplásica, um tipo raro e agressivo de leucemia.

Desde fevereiro de 2015, o menino lutava contra a doença. Em abril daquele ano, Tancrède encabeçou uma campanha nas redes sociais em busca por um doador de medula, juntamente com seus pais e amigos. A campanha ganhou apoios de famosos, como a do jogador Neymar, e rapidamente viralizou na rede. Em três meses, a família havia encontrado uma doadora compatível nos Estados Unidos e o transplante foi realizado com sucesso.

Em 2016, os pais do garoto divulgaram nas redes sociais que Tancrède estava com o nível das plaquetas normal e que ele deveria retornar à escola. Em maio de 2018, os pais do garoto divulgaram um post no Facebook informando que o quadro de saúde de Tancrède era grave novamente e a leucemia havia retornado.

Em uma publicação nesta última segunda-feira, familiares informaram que o garoto continuava internado em estado grave e que a leucemia tinha comprometido o pâncreas, rins e fígado.

O que importa nessa vida?

A post shared by Gui Pagnoncelli (@guipagnoncelli_) on

Em sua última postagem no Instagram,  Tancrède falou sobre a luta que travou com a doença.

"Nada é pra sempre. Muito menos por acaso! Não posso reclamar, afinal viver é isso! Viver é muito incerto, é não saber o que acontecerá daqui há um segundo e mesmo assim não ter medo. Nessa vida nunca me disseram que eu sempre iria sorrir, muito menos se caso chorasse seria apenas por felicidade. Então, eu não posso reclamar de nada, a vida não é contrato, a vida é fato. Simples, fácil e doce! A vida é agora."

A cerimônia de cremação de Tancréde será realizada na tarde desta quarta-feira no Crematório Horto da Paz, em Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo.

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo