ABC não tem plano de proteção aos museus

Por Cadu Proieti, Metro Jornal ABC

O ABC não tem plano regional nem prevê discutir ações entre as prefeituras para proteção dos museus e equipamentos culturais na região.

A afirmação foi feita ontem pelo prefeito de São Bernardo e presidente do Consórcio Intermunicipal do ABC, Orlando Morando (PSDB), após reunião mensal dos líderes municipais. “Essa não é uma pauta que está no Consórcio”, afirmou.

Segundo Morando, a entidade regional não tem GT (Grupo de Trabalho) para debater políticas sobre patrimônio histórico. “Cada prefeito tem a sua responsabilidade. A verdade é que a cultura está sendo desdenhada pelo governo federal. Não existem investimentos, e as ações acabam sendo pontuais de cada prefeitura. Eu, por exemplo, estou tentando reformar o Teatro Elis Regina, em São Bernardo, sozinho. Devemos dar a ordem de serviço ainda este ano. Há um certo descaso com os patrimônios.”

Atualmente, todos os museus de Santo André (Museu Dr. Octaviano Armando Gaiarsa, Casa do Olhar Luiz Sacilotto e a Casa da Palavra Mário Quintana), São Bernardo (Pinacoteca) e São Caetano (Museu Histórico Municipal e a Pinacoteca Municipal) não possuem AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros), laudo que atesta segurança contra incêndios.

A preocupação com a segurança dos museus cresceu nesta semana após um incêndio destruir o Museu Nacional, no Rio de Janeiro (leia mais na página 6).

A Prefeitura de Santo André alega que os três equipamentos da cidade contam com equipe de brigadistas e equipamentos de prevenção. O governo andreense diz que está em processo de obtenção do AVCB do Museu Dr. Octaviano Armando Gaiarsa, mas não citou se os outros dois equipamentos também passam pelo mesmo trabalho.

Em São Bernardo, a administração municipal afirma que iniciou procedimento para implantação de sistemas de segurança em prédios da Cultura, como a Pinacoteca e o Acervo Histórico da cidade, este último em processo de elaboração de licitação para contratação de empresa responsável por sua reforma.

Procurada, a Prefeitura de São Caetano não se posicionou.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo