Incêndio de grandes proporções atinge o Museu Nacional no Rio de Janeiro

Por Agência Brasil

Um incêndio de proporções ainda incalculáveis atingiu, no começo da noite deste domingo (2), o Museu Nacional do Rio de Janeiro, na Quinta da Boa Vista, em São Cristóvão, na zona Norte da capital fluminense. O prédio histórico de dois séculos foi residência da família real brasileira e tem um dos acervos mais importantes do país – são cerca de 20 milhões de peças.

O Corpo de Bombeiros do Rio foi acionado às 19h30. Homens de quatro quartéis trabalham no local, que fica dentro do parque nacional da Quinta da Boa Vista. O prédio tem três andares, é ligado à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e o fogo toma de conta de boa parte da construção.

Até o fechamento desta reportagem, os bombeiros não dispunham de informações sobre vítimas. O museu estava fechado para visitação no momento em que o incêndio começou. Por segurança, há homens também da Polícia Militar e profissionais de saúde em ambulâncias.

História

Mais antiga instituição histórica do país, o Museu Nacional do Rio foi fundado por D.João VI, em 1818. É vinculado à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com perfil acadêmico e científico. Tem nota elevada por reunir pesquisas raras, como esqueletos de animais pré-históricos e múmias.

Um domingo desses, bicho… . E hoje ainda é dia de Turismo Cultural no Bairro Imperial de São Cristóvão! . De 10 às 16h, ônibus gratuitos saem da Quinta da Boa Vista com direção a instituições de ciência e cultura do bairro. Você escolhe onde descer de acordo com seu interesse. . Depois, é só aguardar o busão identificado pela equipe do Turismo Cultural e continuar seu passeio. . E olha, vai ser difícil não dar uma passadinha em todos os pontos desse circuito! . Além do Museu Nacional, você pode visitar o Museu do Samba, o Centro Hípico do Exército, o Museu Militar Conde de Linhares, 1• Batalhão de Guardas, o Museu de Astronomia, o Observatório Nacional e o Club de Regatas do Vasco da Gama. . O evento é completamente gratuito!!! Participe!!! . 📸Eliane Frenkel . #instamuseu #museunacional #turismoculturalé10 #0800 #fimdesemanatop #domingo #rio #museufaz200

A post shared by Museu Nacional UFRJ (@museunacional1818) on

O local foi sede da primeira Assembleia Constituinte Republicana de 1889 a 1891, antes de ser destinado ao uso de museu, em 1892. O edifício é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

No acervo, com cerca de 20 milhões de itens, há diversificação nas peças, pois reúne coleções de geologia, paleontologia, botânica, zoologia e arqueologia. Há, ainda, uma biblioteca com livros com obras raras.

Aproveitou o sabadão para dar aquela relaxada? Tudo bem, a gente entende. Mas vê se não deixa o domingo passar em branco, hein! . O Museu Nacional estará aberto de 10 às 16h, aguardando sua visita. . Ah, a múmia relaxando na foto faz parte da coleção egípcia do Museu e é carinhosamente conhecida como múmia romana, pois data do século I, Período Romano. Além dela, estão em exposição outras três múmias adultas (Sha-Amun-em-su, Harsiese e Hori), cada uma com mais de dois mil anos!! . Agora, vê se não faz a egípcia e vem logo conhecer esse acervo! . 📷Fernanda Guedes #museunacional #egito #museu #museum #oquefazernorio #riodejaneiro #quintadaboavista #mumia #mummy #arqueologia #ibram #museufaz200

A post shared by Museu Nacional UFRJ (@museunacional1818) on

O Museu Nacional do Rio oferece cursos de extensão e pós-graduação em várias áreas de conhecimento. Para esta semana, era esperado um debate sobre a independência do país. No próximo mês, estava previsto o IV Simpósio Brasileiro de Paleontoinvertebrados no local.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo