Motorista de van é demitido por passar em poças e molhar pedestres intencionalmente

Apenas um dos vídeos publicados no YouTube registrou mais de 250 mil visualizações; polícia disse que demissão é punição suficiente e arquivou o caso.

Por Alistair Coleman - BBC Monitoring

Um motorista de van na cidade canadense de Ottawa foi demitido depois de ser filmado repetidamente jogando água em pedestres.

A empresa Black & McDonald disse em um post no Facebook que o indivíduo envolvido "não está mais empregado" depois que um vídeo de seu comportamento viralizou nas redes sociais, informou a emissora canadense CBC.

Um vídeo de 45 segundos, registrado por uma câmera acoplada na traseira de outro veículo, mostra o motorista guiando a van para o meio-fio em um dia chuvoso para dar um banho em pedestres pelo menos três vezes. No final do clipe, o logotipo da empresa é claramente visto na lateral do veículo.

Apenas um dos vídeos publicados no YouTube foi visto mais de 250 mil vezes, e Black & McDonald fez um pedido de desculpas pelo comportamento de seu motorista.

O comunicado diz: "Pedimos desculpas a todos que foram afetados pelo incidente recente em Ottawa causado pela conduta inaceitável de um de nossos motoristas. Este é um incidente isolado e o indivíduo não é mais empregado da Black & McDonald."

Um porta-voz da empresa também disse que a empresa estava colaborando com a polícia nas investigações sobre o incidente.

'Caso encerrado'

De acordo com o jornal Ottawa Sun, o motorista não responderá por nenhuma acusação criminal, uma vez que a polícia considerou que a demissão do motorista já é punição suficiente.

102793862banho2-b0232b60d224feafcc97a9f381bddcb3.jpg

"Consideramos que o caso está encerrado", disse o sargento Mark Gatien à imprensa. "Sentimos que a demissão do funcionário é o suficiente como uma lição aprendida por ele."

A resposta rápida da empresa foi elogiada nas redes sociais, como o depoimento de um trabalhador da construção civil desempregado irritado com a falta de respeito demonstrada pelo motorista.

"Eles não pagam para você usar os veículos da frota para dar banho nos pedestres", disse ele.

©
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo