Mergulhador morre em caverna onde meninos estão presos na Tailândia

Por Reuters

Um ex-mergulhador da Marinha tailandesa morreu durante os trabalhos para salvar os 12 meninos e seu técnico de futebol que estão presos em uma caverna inundada no norte do país, destacando os riscos para equipes de resgate que tentam encontrar uma maneira de salvar o grupo que está há 13 dias debaixo da terra.

Samarn Poonan, de 38 anos, um ex-membro da unidade de elite da Marinha da Tailândia, morreu na noite de quinta-feira enquanto trabalhava debaixo d’água no complexo de cavernas distribuindo tanques de oxigênio ao longo de uma potencial rota de saída, disse o comandante da unidade.

“Não vamos deixar sua morte ser em vão. Vamos continuar”, disse o almirante Arpakorn Yuukongkaew à repórteres nesta sexta-feira.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo