Casal é preso suspeito de envolvimento na morte de Vitória Gabrielly

Por Metro Jornal

Um casal é preso em Mairinque, no interior de São Paulo, suspeito de envolvimento no desaparecimento e na morte da menina Vitória Gabrielly, de 12 anos.

Agora, são três detidos: a dupla e Júlio César Lima, indiciado por homicídio doloso, quando há intenção de matar.

O servente de pedreiro teria sido responsável por transportar a menina em um carro no dia em que ela desapareceu quando saiu para andar de patins, em Araçariguama.

Ele está preso desde que afirmou que esteve com Vitória Gabrielly no dia do desaparecimento, 8 de junho, e dar seis versões da história.

Em uma delas, contou que a menina foi raptada por engano por causa de uma dívida de drogas e acusou esse casal, preso hoje.

Durante as investigações, os dois foram ouvidos várias vezes e o carro passou por perícia, mas, como nenhuma evidência foi encontrada, os dois foram liberados.

Agora, eles devem prestar novos depoimentos.

De acordo com a polícia, o casal têm histórico criminal: a mulher por roubo e o homem por tráfico de drogas.

O laudo do Instituto Médico Legal divulgado na terça-feira confirmou que a adolescente morreu asfixiada por estrangulamento e que ela tentou se defender antes de ter sido assassinada.

Até agora, mais de 90 depoimentos já foram colhidos.

Lembrando que a polícia está oferecendo recompensa de 50 mil reais pra quem der pistas que ajudem a identificar o criminosos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo