Sistema Anchieta-Imigrantes terá novo tipo de Operação Comboio

Por Metro Jornal

A Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, vai adotar um novo modelo de Operação Comboio para dias de neblina.

A novidade, Operação Comboio Interligação, será colocada em prática nos dias em que a neblina estiver atrapalhando a visibilidade (abaixo de 100 m) na interligação do planalto entre as duas rodovias, mas não na Imigrantes.

Os motoristas que estiverem indo para a via Anchieta serão represados  no início do trecho da interligação, após a alça de acesso da Imigrantes (altura do km 40),  para continuar o trajeto com velocidade controlada até um local com melhor condição de visibilidade.

Nos dias de operação até agora, todos os motoristas eram represados nas praças de pedágio.  De acordo com a Ecovias, porém, a proposta era encontrar um modelo que não prejudicasse quem não estava seguindo para a interligação.

Com o novo modelo, se a visibilidade estiver boa na rodovia dos Imigrantes, os carros de passeio poderão seguir livremente e os caminhões e ônibus precisarão andar com velocidades controladas por um percurso menor.

Sistema mantido

Vale ressaltar, porém, que a novidade não anula as antigas operações que já são feitas no local: nos dias em que a visibilidade na Imigrantes estiver ruim, por exemplo, a Operação Comboio vai acontecer normalmente, com parada na praça de pedágio.

De acordo com a concessionária, os motoristas serão orientados  por meio de painéis eletrônicos e outras sinalizações que devem indicar qual faixa cada grupo deve seguir após o pedágio.

No Sistema Anchieta- Imigrantes, segundo a Ecovias, os meses de setembro, outubro e novembro são os que costumam ter mais dias com necessidade de comboio. Mesmo assim, desde ontem, as mudanças já podem ser aplicadas quando houver neblina.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo