Taxista que atropelou oito pessoas em Moscou diz que dormiu ao volante

Por Estadão Conteúdo

O motorista que dirigia o táxi suspeito de ferir, na tarde deste último sábado (16), oito pessoas próximo da Praça Vermelha, sendo dois torcedores mexicanos e outros seis pedestres, afirmou à polícia que dormiu no volante na hora do incidente.

A polícia divulgou um vídeo este domingo de uma sessão de interrogatório com um homem com ascendência quirguistanesa em que ele teria admitido ter dormido ao volante. O suspeito teria dito que não estava bêbado, mas que não dormia a 20 horas e que fugiu após o incidente porque teve medo que as outras pessoas do local revidassem.

Leia mais:
Táxi avança contra multidão em Moscou e deixa 8 feridos

A polícia de Moscou não comentou sobre se o incidente iria afetar as medidas de segurança para a Copa do Mundo. Já um porta-voz da Fifa afirmou que lamenta o ocorrido, mas que o fato ocorreu fora de uma área gerida pela entidade e que o caso será comentado apenas pelas autoridades locais.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo