Militar usa turbante durante cerimônia de aniversário da rainha Elizabeth II

Por Metro Jornal

Uma cena chamou a atenção durante a cerimônia de aniversário da rainha Elizabeth II, que completou 92 anos: entre os soldados que usavam o chapéu feito com pele de urso, um deles vestia um turbante no lugar.

Com apenas 22 anos, Charanpreet Singh Lall foi o primeiro soldado do regimento Coldstrem Guards – que existe desde 1650 – a conseguir uma autorização para usar o turnante na cerimônia. O jovem é da religião sikn, que proíbe os homens de cortar os cabelos e o adereço é usado para prender os fios.

Em entrevista ao jornal The Independent, o soldado falou sobre a experiência:

“Espero que as pessoas que assistiram ao desfile entendam e encarem isso como uma mudança nos paradigmas”, disse.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo