Atirador de elite da PM mata assaltante em Belo Horizonte

Por Metro Jornal

Um assaltante foi morto na noite da última terça-feira (5) por um atirador de elite da Polícia Militar em Belo Horizonte. O sniper foi autorizado após ordem do coronel Giovanni, do CPE, que tentou negociar com o criminoso, sem sucesso.

Leia mais:
Sobe para 53 o número de ônibus queimados em Minas Gerais
Queda de árvore interdita rua na zona sul de SP; linhas de ônibus são desviadas

Segundo o jornal O Tempo, o assaltante engatilhou uma arma na cabeça de um refém em uma loja da avenida Paraná, no centro da capital mineira. Ele e um comparsa haviam roubado uma sacola de celulares na avenida Augusto de Lima, no bairro Barro Preto. Um deles foi identificado graças às imagens das câmeras de segurança.

O major Flávio Santiago, chefe da sala de imprensa da PM, informou ao jornal local que, ao perceber a ação da polícia, o criminoso puxou a vítima, que estava atrás dele, e apontou a arma contra a cabeça dela.

O assaltante foi morto na hora, após a ação do atirador de elite. Segundo a PM, ele já tinha passagem por outros crimes.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo