Vestindo gravata com as cores do Brasil, Lula depõe sobre Rio 2016

Por BandNews FM

Preso há mais de dois meses, na carceragem da PF, em Curitiba, o ex-presidente Lula prestou depoimento nesta manhã, por cerca de uma hora, ao juiz Marcelo Bretas, por videoconferência, como testemunha de defesa.

Lula negou qualquer relação de amizade com o ex-governador Sérgio Cabral e com o ex-presidente do Comitê Olímpico do Brasil, Carlos Arthur Nuzman, e disse que não tinha nenhuma informação sobre a denúncia de compra de votos para o Rio sediar a Olimpíada, investigada na operação Unfairplay.

Vestindo terno e uma gravata com as cores do Brasil, Lula chegou a fazer algumas brincadeiras e o clima foi descontraído com juiz Bretas, responsável pelas ações da Lava Jato no Rio.

Cabral é o único réu presente nas audiências de hoje na sétima vara Federal criminal do Rio.

Às 16h, o ex-jogador de futebol Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, presta depoimento por Skype para o juiz Marcelo Bretas.

Ele será ouvido na condição de testemunha de defesa do ex-presidente do Comitê Olímpico do Brasil, Carlos Arthur Nuzman.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo