Cerveja com rótulo de Hitler causa polêmica na Itália

Por Ansa

Uma loja de conveniência da cidade italiana de Rimini, localizada na região da Emília-Romanha, está causando polêmica ao vender garrafas de cerveja e vinho com rótulos co ntendo imagens de Adolf Hitler e Benito Mussolini, informou neste domingo (3) o jornal "Il Resto del Carlino".
De acordo com o periódico italiano, o caso foi denunciado por um movimento antifascista de Rimini, que levou as imagens das garrafas à Prefeitura da cidade.
"De relatórios como este, recebemos pelo menos 5 ou 6 todos os anos, e é por isso que, em 2015, o prefeito Andrea Gnassi, através de alguns deputados, propôs a lei 'Scelba Mancino', para apertar penalidades contra aqueles que fazem apologia ao fascismo também através da comercialização de produtos", explicou a Prefeitura de Rimini.
Jamil Sadegholvaad, conselheiro de atividades econômicas da cidade, afirmou que este caso é "um fato repugnante".

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo