Detran oferece curso que zera a CNH profissional

Motorista com habilitação C, D ou E que atingir a partir de 14 pontos pode procurar a reciclagem para evitar suspensão

Por Metro Jornal

Motoristas profissionais que atingirem a partir de 14 pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação)  já podem fazer um curso de reciclagem no Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito) para zerar seu prontuário e não correrem o risco de ter o direito de dirigir suspenso por ao menos seis meses.

O curso foi regulamentado em novembro do ano passado pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito). A ideia é dar uma chance a esses motoristas, cuja atividade profissional depende de estar com a habilitação em ordem, de não ficarem sem poder trabalhar por atingirem 20 pontos.

A novidade é válida apenas para quem tem CNH das categorias C (veículos de carga), D (transporte de passageiros, como ônibus e vans) ou E (veículo conjugado, como carreta com reboque ou trailer) e com inscrição “exerce atividade remunerada” no verso.

Segundo Claudia Moraes, diretora da Procondutor, o motorista que optar pelo curso preventivo não poderá realizar um novo curso no período de 12 meses depois de ter zerado sua CNH usando essa nova regra.

O presidente do Sindimotoristas, Valdevan Noventa, disse em nota que a mudança é positiva, pois “oferece a possibilidade de conscientização quanto à direção segura e respeito às leis de trânsito vigentes”.

O motorista que se enquadrar nas regras e quiser pedir para fazer a reciclagem deve ir a uma unidade do Detran-SP. Ali, se preenchidos os requisitos, ele receberá autorização para ser levada a uma autoescola, onde fará o curso.

O condutor terá 15 dias para iniciar a reciclagem a partir da emissão da autorização 40 dias após começar para terminá-la. Ao final, tem que fazer uma prova com 30 questões e acertar ao menos 21.

Detran arte

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo