Mototáxi está perto de ser proibido de vez em São Paulo

Por Metro Jornal

Um projeto de lei que proíbe completamente o serviço de mototáxi na capital paulista foi aprovado na Câmara dos Vereadores nesta quinta-feira (3). O texto segue agora para sanção do prefeito Bruno Covas (PSDB).

Leia mais:
Taxista passa mal e atropela mulher no aeroporto de Congonhas
Taxistas se queixam de app da Prefeitura de SP: ‘ninguém conhece’

Uma vez sancionada, a lei deve impedir o transporte de pessoas, materiais inflamáveis  ou qualquer outro tipo que seja considerado perigoso por mototaxistas.

De acordo com a justificativa do projeto, tal lei se faz necessária por conta do alto número de acidentes envolvendo motos todos os dias na cidade de São Paulo.

A profissão de mototaxista é regulamentada por lei federal. Entretanto, cada município tem autonomia para determinar o que pode ou não ser transportado.

O projeto de lei nº 356/16 é de autoria dos vereadores Antonio Donato (PT) e Adilson Amadeu (PTB).

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo