Outro prédio no Centro de SP corre risco de desabar

Por Band News FM

Outro prédio no centro de São Paulo corre risco de desabar, segundo o Corpo de Bombeiros. O edifício está sendo monitorado por um equipamento a laser que acompanha os movimentos no imóvel.

Um edifício ao lado do Wilton Paes de Almeida, que desabou no Largo Paissandu, na madrugada de terça-feira, está com rachaduras enormes e a estrutura começou a se mover agora há pouco. A calçada foi isolada como medida de segurança.

"Estamos monitorado para avaliar qual a melhor intervenção no local. Ainda não podemos afirmar que esteja condenado ou se um escoramento andar por andar pode garantir a sustentação. No entanto, tudo indica que esteja condenado", disse Edison Ramos, coordenador da Defesa Civil.

Leia Mais:
Prédios invadidos em SP poderão ser alvo de reintegração de posse
Bombeiros mudam estratégia para encontrar vítimas de incêndio no centro de SP

Os bombeiros monitoram a situação com um aparelho específico e as equipes devem refazer estratégias de trabalho. As equipes continuam as buscas pelas quatro pessoas consideradas desaparecidas.

Não há pessoas dentro do edifício e as vias de acesso interditados continuam interditadas. Mais de 50 horas depois da tragédia ainda sai fumaça dos escombros.

Vídeo mostra rachaduras no prédio:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo