Polícia Civil diz que investiga furtos de objetos de Lula em Curitiba

Por Estadão Conteúdo

A Polícia Civil do Paraná emitiu uma nota afirmando que está investigando e tomando as medidas necessários para identificar os responsáveis pelo furto de objetos pessoais do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em Curitiba. O petista está preso na capital paranaense desde o último dia 7.

Leia mais:
Roupas, talão de cheques e passaporte de Lula são furtados em Curitiba
MST invade fazenda de Oscar Maroni, que comemorou prisão de Lula com cerveja grátis

Conforme nota do órgão, o crime ocorreu na madrugada desta terça-feira, 17, na Alameda Júlia da Costa, no centro de Curitiba. O boletim de ocorrência relata que um assessor do ex-presidente Lula deixou um carro estacionado na rua; ao retornar, notou que o veículo estava arrombado. "Segundo o relato do mesmo assessor, foram levados um frigobar, um telefone celular, peças de roupas e documentos do ex-presidente, dentre eles o passaporte", diz a nota da Polícia.

Não há câmeras no local onde o furto teria ocorrido, conforme a Polícia. O veículo passou por perícia para identificação de impressões digitais de suspeitos. "Diante do fato, todos as medidas de investigação estão sendo tomadas e os trabalhos para a identificação dos suspeitos e para a localização dos bens subtraídos estão em andamento", afirma a nota.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo