Perito acha digital em cápsulas no caso Marielle

Por Metro Jornal com BandNews FM

A perícia realizada no local do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista do automóvel onde ela estava, Anderson Gomes, identificou fragmentos de digitais em cápsulas encontradas após a ação dos criminosos.

Peritos das polícias Federal e Civil chegaram a essa pista ontem. Os vestígios foram encontrados entre as ruas João Paulo I e Joaquim Palhares, no Estácio, zona norte do Rio. As mortes completam um mês no sábado.

Os indícios podem ajudar na identificação dos autores dos disparos e dos eventuais mandantes do crime.

No dia em que foi executada, Marielle Franco deixava o evento “Jovens negras movendo as estruturas”, mediado por ela na Lapa, no Centro, quando foi surpreendida por pelo menos nove disparos. Quatro a acertaram e outros três atingiram Anderson.

Hoje, mais três vereadores serão chamados para prestar esclarecimentos aos investigadores do caso, na DH (Delegacia de Homicídios).  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo