Relembre obras prometidas para Copa de 2014 que ainda não foram entregues

Por Metro Jornal

O mundo todo já está no clima da Copa do Mundo da Rússia, que começa na metade desse ano. Entretanto, algumas obras de mobilidade que estavam prometidas para a Copa de 2014, aqui no Brasil, até hoje não foram entregues.

Veja algumas delas:

1. Monotrilho de Congonhas ao Morumbi

O objetivo do governador de São Geraldo Alckmin era entregar o primeiro trecho da obra da Linha 17-Ouro do Metrô, que liga o aeroporto de Congonhas ao bairro do Morumbi, antes do Mundial de 2014. O primeiro trecho com 7,7 km de extensão terá as estações Jardim Aeroporto, Congonhas, Brooklin, Vereador José Diniz, Água Espraiada, Vila Cordeiro, Chucri Zaidan e Morumbi.

Entretanto, até hoje, não foi inaugurado. A previsão, agora, é para dezembro de 2019.

2. Estação São Paulo-Morumbi do Metrô

A estação São Paulo-Morumbi, que pertencerá à linha 4-Amarela do Metrô de São Paulo, era para ser entregue a princípio em 2012, porém ainda não inaugurou. A previsão, agora, é para julho deste ano.

A estação, que fica entre as avenidas Professor Francisco Morato e Jorge João Saad, no Butantã, é próxima do estádio Cícero Pompeu de Toledo, conhecido como estádio do Morumbi. Sua inauguração facilitará a ida dos torcedores para os jogos.

3.Trem-bala entre Rio e São Paulo

Em 2009, a então ministra da Casa Civil Dilma Rousseff afirmou que um trem-bala ligando a cidade de Campinas até São Paulo ficaria pronto até o Mundial de 2014 no Brasil. A obra, entretanto, nunca se viabilizou e não saiu do papel.

Em agosto de 2016, uma reportagem da agência de notícias Reuters apontou que empresas chinesas estariam interessadas em retomar o projeto mas, até o momento, nada chegou a avançar.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo