Terremoto na Bolívia é sentido em diferentes regiões do Brasil

Por Metro Jornal com Band News FM

O Observatório Sismológico da Universidade de Brasília confirmou que um terremoto na Bolívia  causou tremores em diferentes regiões do Brasil. O epicentro do tremor foi na região de Carandayti, no sul da Bolívia.

O ouvinte da Band News FM João César relatou que as pessoas saíram do prédio onde ele trabalha na avenida Paulista perto da estação Brigadeiro do metrô, no centro de São Paulo. Outros prédios da região também foram esvaziados.

Segundo o Centro de Sismologia da USP,  “esse fenômeno não é incomum para sismos com essas magnitudes (6,8 graus na escala Richter)”, como o registrado a 555Km de profundidade, às 10h40 (horário de Brasília).

Os efeitos costumam ser sentidos por pessoas que estão em prédios altos: “Grande parte das pessoas em andares mais altos de prédios puderam sentir a vibração das ondas emitidas por este tremor que ocorreu a mais de 1500 km de distância”, explicou o Centro de Sismologia da USP.

Confira os locais onde foram sentidos os tremores

arte Arte / Centro De Sismologia da USP

Leia mais:
Terremotos nos Andes continuarão sendo sentidos no Brasil
Terremoto: ‘Poucos minutos de desespero’, relata mulher que estava em prédio na Paulista
Fotos mostram prédios evacuados na avenida Paulista após terremoto

O Corpo de Bombeiros não tem registro de abalos estruturais em São Paulo por causa do reflexo do terremoto na Bolívia. Os bombeiros receberam chamados de vários bairros de São Paulo, entre eles, região da Paulista, Tatuapé, Vila Maria e Santana.

 Em Brasília, o Corpo de Bombeiros de Brasília recebeu várias ligações de pessoas que sentiram o tremor de terra em várias áreas da capital federal, especialmente do centro, da Asa Norte e da Asa Sul. Muitos prédios foram evacuados.

Em Minas Gerais, o prédio do Hospital Vera Cruz, na região Centro-Sul da cidade, que tem 10 andares, foi esvaziado.  A direção do hospital confirma que a unidade precisou ser evacuada, mas não pode dar mais detalhes nesse primeiro momento. 

No Rio Grande do Sul, moradores relataram sentir tremores que poderiam ter relação com o terremoto que atingiu a Bolívia nesta segunda-feira.  Uma agência do Banco do Brasil chegou a ser esvaziada. Segundo o Corpo de Bombeiros da cidade, o tremor durou aproximadamente um minuto e foi sentido principalmente por moradores de prédios com acima de dez andares. Apesar dos sustos, nenhum dano foi registrado na cidade.

REPLICAS
Não há registro de danos causados pelo terremoto de magnitude 6,8 que atingiu a região de Chuquizaca, na Bolívia, e foi sentido em países como Chile e Brasil.

Em entrevista à Rádio Panamericana de La Paz, o analista do Observatório Sismológico San Calixto, Teddy Griffiths, disse que ainda são aguardados novos abalos.

"Ainda são esperadas algumas réplicas. Tivemos uma de 4,5, localizada. Mas é seguro que não foi sentida em outra região mais distante. E podemos ter mais réplicas, mas de menor magnitude", afirmou.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo