Doria irá revogar decreto que regulamentaria segurança pessoal de ex-prefeitos

Por Metro Jornal

Após repercussão negativa, o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), irá revogar o decreto que regulamenta a segurança pessoal de ex-prefeitos. A determinação será publicada no Diário Oficial do Município neste sábado (10).

De acordo com nota divulgada prefeitura, os secretários de Governo, Julio Semeghini, de Segurança Urbana, José Roberto de Oliveira, e da Justiça, Anderson Pomini, tiveram uma reunião nesta tarde em que acataram a solicitação de Doria de que o texto fosse revogado.

Leia mais:
Decreto de Doria estende segurança pessoal à família de ex-prefeito

No último sábado (3), o prefeito havia publicado a medida, que previa estender a ex-prefeitos a segurança pessoal feita por policiais militares a autoridades públicas. A proposta pretendia reservar até quatro PMs ao chefe do Executivo municipal que deixar o cargo, sua mulher e seus filhos pelo prazo de um ano.

Veja a nota na íntegra:

Por solicitação do prefeito João Dória, os secretários de Governo, Julio Semeghini, de Segurança Urbana, José Roberto de Oliveira, e da Justiça, Anderson Pomini, reuniram-se nesta tarde para reavaliar o decreto que regulamenta a segurança pessoal de ex-prefeitos. Os secretários, que propuseram e defendem o mérito do decreto, atenderam a solicitação do prefeito para que o texto seja revogado em razão da polêmica provocada. A decisão será publicada no Diário Oficial deste sábado, dia 10.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo