Concessionárias não se entendem e trechos da rodovia Anchieta ficam sem iluminação

Por Cadu Proieti - Metro ABC

Quem passa pela via Anchieta no período noturno deve notar que há falhas na iluminação ao longo da rodovia. Em uma noite da semana passada, a reportagem percorreu a via desde o início, na capital, até a saída para o Riacho Grande, em São Bernardo, e viu vários problemas de falta de luz. 

Do km 10, ainda em São Paulo, ao km 16, na saída do Extra, são 50 postes sem funcionar. Até esse ponto, as falhas no sistema são intercaladas com postes iluminados. A partir deste ponto até a entrada para o bairro Jordanópolis, o sistema de iluminação funciona bem – são somente duas luminárias apagadas nessa área. 

Depois desse local, começa o trecho de pior situação. Entre os kms 16 e 18 não tem nenhuma iluminação, são 14 postes seguidos que estão apagados.

A partir do km 19 até o km 22 não há mais luz, sem sequer ter postes – área que passa por obras. Depois disso, há luminárias, mas cinco delas estão sem funcionar. A partir do km 23 não há mais iluminação na rodovia, com exceção dos acessos aos bairros, que são iluminados.    

Em frente à fábrica da Volkswagen, no km 24, não há iluminação nenhuma e é um trecho bem escuro. Para se ter ideia, mal dava para ver pessoas esperando o ônibus em um ponto que há no local e um homem que fazia corrida de rua no acostamento sem sinalização visual.  A luz só volta a ser boa no acesso ao Rodoanel. Depois disso, a rodovia entra em uma completa escuridão, com postes iluminando somente as saídas.

Justificativas

A Ecovias, concessionária responsável pelo SAI (Sistema Anchieta-Imigrantes), diz que  a iluminação pública no trecho de planalto da rodovia, entre os km 10 e km 23, é de responsabilidade AES Eletropaulo.

“Sabe-se que boa parte dos problemas de iluminação no trecho é causada por atos de vandalismo. Neste caso, a atribuição da Ecovias é de informar aos responsáveis sobre a existência de problemas, o que vem sendo feito”, diz parte de nota divulgada pela empresa.

No entanto, a AES Eletropaulo  informou que não recebeu ofício da Ecovias com pedido de manutenção da iluminação na região mencionada. “A distribuidora esclarece ainda que está, proativamente, substituindo lâmpadas de postes que são de sua responsabilidade e vistoriando circuitos que necessitem de reparos”, diz a empresa em nota.

Obras retiram postes da via

A Ecovias diz que por conta das obras de implantação de uma nova pista na Anchieta, entre o km 23 e o km 18, foi necessária a remoção temporária de alguns postes de iluminação, que, segundo a empresa, serão reinstalados ao final da obra – prevista para maio. A concessionária alega ainda que o contrato de concessão assinado com o Estado não prevê em seu rol de obrigações a instalação de novos pontos de iluminação neste e em outros trechos do SAI.  METRo abc

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo