Boleto antigo acima de R$ 2 mil não poderá ser pagos em bancos

Por Metro Jornal

A partir deste sábado (24), os bancos não irão mais aceitar boletos com valores acima de R$ 2 mil que não estão registrados. A medida faz parte de um processo gradual da Febraban (Federação Brasileira de Bancos) para que todos os boletos estejam cadastrados na Nova Plataforma de Cobrança.  Para descobrir se o boleto está registrado ou não é preciso consultar diretamente o emissor do documento.

O objetivo do cadastro é, entre outros benefícios, garantir o pagamento após o vencimento em qualquer agência bancária, sem risco de erros nos cálculos de multas e encargos.

A orientação para quem tiver um boleto antigo acima de R$ 2 mil e não conseguir pagá-lo depois de sábado é procurar o beneficiário, que é o emissor do boleto, para quitar seu débito.

Esse novo modelo começou a ser implantado no país no ano passado, gradualmente. A partir de 24 de março, boletos antigos com valores acima de R$ 800 também não serão mais aceitos. O objetivo é que todo o processo seja concluído até setembro deste ano.

 

 

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo