Clínica é denunciada por aplicar doses falsas de vacina

Por Carolina Santos

A autora da denúncia de aplicação de vacinas falsas em uma clínica de Novo Hamburgo, na região metropolitana de Porto Alegre, revela que decidiu denunciar o crime à polícia depois de notar a fraude por meio do estoque.

Juliana Venske é técnica em enfermagem e funcionária do estabelecimento.

Em entrevista à Rádio BandNews FM, ela conta que começou a perceber a venda de diversas vacinas que não existiam na clínica, incluindo doses contra a febre amarela e meningite. A dona do estabelecimento, Luciana Sandrini, está em prisão domiciliar.

A defesa dela alega que a denúncia é falsa. Segundo a Polícia Civil gaúcha, a clínica aplicava vacinas vazias, utilizando a mesma agulha em pessoas diferentes, inclusive em crianças e adolescentes.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo