Mãe de jovem que morreu eletrocutado vai processar a Prefeitura de São Paulo

Por Metro Jornal
Rádio Bandeirantes
Mãe de jovem que morreu eletrocutado vai processar a Prefeitura de São Paulo

A mãe do jovem que morreu eletrocutado no último final de semana, em São Paulo, informou que processará a Prefeitura de São Paulo.

"Nós entramos com uma ação na Justiça contra a Prefeitura. A culpa é dos dois: da empresa e de quem a contratou", disse Carla Lacerda.

O estudante Lucas Antônio Lacerda da Silva, de 22 anos, morreu eletrocutado após encostar em um poste com câmeras para monitoramento de público instalado na esquina da Rua da Consolação com a Rua Matias Aires, no centro da cidade.

A tragédia ocorreu durante a passagem do bloco de rua Acadêmicos do Baixo Augusta.

Logo após o contato com o equipamento, o jovem sofreu uma descarga elétrica e desmaiou. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Loading...
Revisa el siguiente artículo