São Bernardo confirma primeiro caso de febre amarela contraído no município

Por Metro Jornal
Morador deu entrada na UPA do Baeta Neves - Reprodução/Google Street View
São Bernardo confirma primeiro caso de febre amarela contraído no município

São Bernardo, no ABC paulista, confirmou nesta segunda-feira (5) o primeiro caso de febre amarela contraído no município. O caso ocorreu com um homem de 35 anos que mora do bairro Jardim Palermo, próximo à região central da cidade, e trabalha no Jardim Represa, área com maior concentração de mata.

De acordo com nota emitida pela prefeitura, o morador deu entrada na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Baeta Neves em 1° de fevereiro e, depois, foi transferido para o Hospital das Clínicas de São Paulo, onde permanece internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Ele não havia se vacinado e também não realizou qualquer viagem ou deslocamento da cidade nos últimos meses.

Investigados

Outros dois casos seguem sendo investigados no município. Na semana passada, o primeiro caso de febre amarela em São Bernardo foi confirmado. Um morador de 33 anos havia contraído a doença após viajar para Mairiporã, cidade da Grande São Paulo, considerada uma das áreas de risco.

A prefeitura informou que o município está com baixa adesão a imunização da doença – cerca de 24% da meta estipulada. A campanha teve início no 25 de janeiro, com oferta da vacina em 34 UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e 707 mil doses disponibilizadas.

O fato fez com que a gestão anunciasse a inserção de 102 escolas municipais para a aplicação da dose, a partir desta segunda-feira (5) até o dia 9, das 9h às 16h.

 

Loading...
Revisa el siguiente artículo