Manifestantes invadem prédio da TV Globo no Rio e são retirados pela polícia

Por Estadão Conteúdo

Um grupo de manifestantes invadiu um dos prédios da TV Globo, no Jardim Botânico, na zona sul do Rio, na tarde desta quarta-feira, 24. Em fotos publicadas na página do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) no Facebook, é possível ver pelo menos seis manifestantes no interior do prédio, jogando tinta vermelha contra as paredes do hall de entrada da televisão. O letreiro externo do prédio também foi manchado com tinta vermelha. A Polícia Militar informou que teve que intervir para retirar os manifestantes.

Leia também
Condenação impede Lula de concorrer na eleição de 2018?
Manifestantes pró e contra Lula fazem atos pelo país; veja fotos
TRF-4 vota para manter condenação de Lula e aumenta pena

A Polícia Militar informou que policiais militares do 23º BPM (Leblon) que fazem o acompanhamento da manifestação foram acionados "para intervir em uma tentativa de invasão na portaria principal". "Os manifestantes foram retirados do interior do prédio e dispersaram em seguida. Não temos registro de presos ou feridos", informou.

A emissora foi procurada para falar sobre danos causados no prédio, mas até o fim da tarde não tinha respondido. Desde a noite da terça-feira, manifestantes favoráveis ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (Lula) marcavam uma "vigília" na porta da televisão, no horário do julgamento do recurso. Alguns estão acampados no local desde o início desta semana.

Manifestantes jogaram tinta vermelhas no logo da Globo na recepção do prédio Manifestantes jogaram tinta vermelhas no logo da Globo na recepção do prédio / Reprodução/Facebook
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo