MP-SP abre ação contra Kassab por improbidade administrativa

Por Metro Jornal São Paulo
Pedro França/Agência Senado
MP-SP abre ação contra Kassab por improbidade administrativa

O Ministério Público de São Paulo ajuizou quatro ações por atos de improbidade administrativa contra ex-prefeito da e São Paulo e atual ministro da Ciência e Tecnologia, Gilberto Kassab (PSD), e outras cinco pessoas, a partir de informações passadas pela Odebrecht, que assinou acordo com a promotoria no qual admitiu ter praticado atos ilícitos.

Representantes da empresa revelaram à promotoria que, entre 2008 e 2012, repassou a Kassab mais de R$ 21 milhões, a valores da época, como caixa dois.

Em uma das ações, os promotores pedem à Vara da Fazenda Pública que torne indisponíveis, liminarmente, cerca de R$ 85 milhões do ex-prefeito, o que equivale à quantia que ele recebeu da empresa e uma multa de três vezes esse valor.

Outro lado

Em nota, a defesa de Kassab disse que recebe com estranhamento o ajuizamento de ação às vésperas de recesso judicial.

“Todavia, aguarda com serenidade os argumentos utilizados pelo Ministério Público para demonstrar a legalidade de todos os atos de sua gestão, como tem acontecido em outras situações”, completa a nota.

Loading...
Revisa el siguiente artículo