Bikes em todo lugar de São Paulo e com Bilhete Único

Por Metro Jornal São Paulo
Adriano Vizoni//Folhapress
Bikes em todo lugar de São Paulo e com Bilhete Único

Esqueça o estacionamento fixo e com número limitado de bicicletas: dentro em breve, o “ciclista de aluguel” de São Paulo poderá localizar por aplicativo a bike mais próxima, seguir pedalando e deixá-la no seu destino, à espera do novo usuário.

Essa opção está prevista no novo modelo de compartilhamento de bikes, publicado nesta quarta-feira pela Prefeitura de São Paulo e que já está aberto para propostas dos futuros operadores. O aluguel no estacionamento fixo será mantido.

Essa nova modalidade sem estação funciona por sistema de rastreamento, que permite a localização das bicicletas –elas deverão ter dispositivo próprio de autotravamento e não poderão ser estacionadas em locais que atrapalhem o trânsito ou pedestres.

As empresas deverão abrir os dados das viagens para a prefeitura e pagar outorga com base no metro quadrado da região. Quem operar na periferia terá desconto e quem optar pelo centro expandido também terá que oferecer o serviço na periferia.

As empresas que já oferecem o serviço têm 180 dias para se adaptarem – como o Itaú, que fará as modificações necessárias. O Bradesco ainda avalia. Ambos cobram em média R$ 5 pela locação, variando com o tempo e as condições dos clientes.  

bike
Loading...
Revisa el siguiente artículo