Câmara aprova texto sobre a volta da inspeção veicular em São Paulo

Por Metro Jornal São Paulo
Câmara aprova texto sobre a volta da inspeção veicular em São Paulo

Encerrada em 2014 após muita polêmica, a inspeção veicular obrigatória poderá ser reestabelecida na capital.

A proposta está no projeto de lei 300/2017, também chamado de PL da Poluição, de autoria dos vereadores Milton Leite (DEM) e Gilberto Natalini (PV) e que foi aprovado em primeira discussão. A norma ainda deve passar por segunda votação e a sanção do prefeito antes de entrar em prática.

O texto determina que a inspeção deverá ser retomada pela prefeitura no prazo de um ano, com cobrança pelo serviço (valor ainda não determinado) e multa por descumprimento.

A inspeção não será obrigatória para os carros novos e realizada apenas após o terceiro ano de uso, contado a partir da data de fabricação. Para as motos, após dois anos. A proposta prevê que caminhões, ônibus e veículos de prestadores de serviços à prefeitura sejam inspecionados.

O texto também determina que os ônibus diminuam em 50% a emissão de CO2 de origem fóssil em dez anos e alcancem 100% em 20 anos. Pela exigência anterior (de 2009, e que não será cumprida), a frota da cidade já deveria no ano quem ter ônibus 100% movidos por combustíveis não-fósseis.   

Loading...
Revisa el siguiente artículo