Reintegração de área ocupada na Grande SP é suspensa por mais 120 dias

Por Metro Jornal ABC
Terreno está localizado no bairro Planalto - Ricardo Stuckert
Reintegração de área ocupada na Grande SP é suspensa por mais 120 dias

As famílias acampadas  desde setembro em terreno no Jardim Planalto, em São Bernardo, na Grande São Paulo, ganharam nesta segunda-feira mais 120 dias para desocupar a área. A extensão do prazo foi concedida após reunião na tarde de ontem  realizada pelo Gaorp (Grupo de Apoio às Ordens Judiciais de Reintegração de Posse) na sede do TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo), na capital. O encontro contou com participação de advogados do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto), que lidera a ocupação, e da MZM, incorporadora proprietária da área, além de representantes da Prefeitura de São Bernardo.

De acordo com o TJ-SP, as partes concordaram com a suspensão da ordem de reintegração pelos 120 dias. Neste período, será constituído grupo de trabalho, composto por representantes da União, do Ministério Público, Defensoria Pública e Procuradoria Geral do Estado para estudos sobre áreas públicas para programa habitacional que resolva o problema. A Secretaria Estadual de Habitação ficará responsável por realizar o cadastramento das famílias. O MTST se comprometeu a não permitir a entrada de novos moradores no acampamento, que já alcança cerca de 8 mil famílias. Ficou acordado durante a reunião que a desocupação ocorrerá incondicionalmente em 10 de abril.

Loading...
Revisa el siguiente artículo