Em vídeo, Doria chama Tatuapé de 'região periférica da cidade'

Por Estadão Conteúdo
Doria diz em vídeo que Tatuapé fica na periferia de São Paulo - Reprodução/Twitter
Em vídeo, Doria chama Tatuapé de 'região periférica da cidade'

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), publicou em suas redes sociais um vídeo sobre uma visita surpresa que fez na quarta-feira, 6, ao Hospital Municipal Doutor Carmino Caricchio, conhecido como Hospital do Tatuapé, na zona leste da capital paulista. No fim da gravação, Doria afirmou que "a função do prefeito é ver a realidade como ela funciona, sobretudo na região periférica da cidade, como é o caso deste hospital no Tatuapé".

O comentário de Doria provocou polêmica nas redes sociais, já que o bairro está colado no limite do centro expandido da capital e é um dos mais bem servidos de infraestrutura urbana e serviços na zona leste. O hospital que recebeu o prefeito está localizado a cerca de seis quilômetros da Praça da Sé, marco zero da cidade, distância menor, por exemplo, do que da Sé até o Parque Villa-Lobos, na zona oeste – aproximadamente oito quilômetros.

No vídeo, Doria ressaltou que sua ida ao Hospital do Tatuapé não foi informada à direção da unidade de saúde. "Eu quero ver as coisas como elas são e analisar as coisas boas e as coisas não boas", declarou. "Não aviso ninguém. Quero conhecer a realidade exatamente como ela é: seja ela difícil, seja ela tenebrosa, seja ela chocante ou seja gratificante."

Alguns internautas ironizaram a fala do prefeito e a classificaram como uma prova da falta de conhecimento sobre a capital paulista. "Doria chamar Tatuapé de periferia faz todo sentido para um prefeito que não conhece a cidade e a administra via zap zap (WhatsApp)", escreveu um usuário no Twitter.

"Será que, agora que o Doria falou que Tatuapé é bairro periférico, os preços de aluguel lá vão abaixar?", questionou uma internauta. O bairro concentra um grande número de prédios residenciais e apresenta um dos mais altos valores de metro quadrado na zona leste.

Loading...
Revisa el siguiente artículo