Governo de São Paulo quer R$ 2,5 bilhões para terminar obras do Metrô

Por Metro Jornal São Paulo
Tom Vieira Freitas /Fotoarena/Folhapress
Governo de São Paulo quer R$ 2,5 bilhões para terminar obras do Metrô

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) justificou o projeto de lei enviado às pressas à Assembleia Legislativa em que pede autorização para tomar empréstimo de R$ 2,5 bilhões para concluir obras de transporte.

A proposta – que deve ser aprovada ou rejeitada pelos deputados ainda neste mês – prevê R$ 1 bilhão para a linha 17-Ouro, R$ 324 milhões para a linha 15-Prata, R$ 900 milhões para a rodovia dos Tamois e R$ 243 milhões para o Profisco 2, de gestão fiscal.

Segundo Alckmin, o pedido de empréstimo já estava previsto, pois “obra desse porte não dá para fazer só com orçamento do Estado”.

A linha Ouro é do monotrilho que ligará, em sua primeira fase, o aeroporto de Congonhas ao bairro do Morumbi, ambos na zona sul da capital. A linha Prata é do monotrilho que vai cruzar a zona leste e a Tamoios é um das rodovias que conectam o litoral Norte e o Vale do Paraíba.

Loading...
Revisa el siguiente artículo