Fundado em 1947, primeiro bloco de BH completa 70 anos de festa

Por Metro Jornal Belo Horizonte
Bloco voltou a desfilar neste ano, após 42 anos - Arquivo/Belotur
Fundado em 1947, primeiro bloco de BH completa 70 anos de festa

No encontro das ruas Itapecerica e Machado de Assis, na boêmia região da Lagoinha, centenas de pessoas se concentram para festejar e desfilar o Carnaval. Era 1947, quando Belo Horizonte tinha pouco mais de 215 mil habitantes, que se iniciava a história do Leão da Lagoinha. “Vinha gente da cidade inteira, era uma coisa de louco!”, contou Jairo Nascimento Moreira, atual presidente do bloco – o primeiro da cidade e que acabou de completar 70 anos de fundação.

No livro “A turma e outros casos”, de Tarcísio Ildefonso Costa, os versos mostram como o início de uma brincadeira se transformou em tradição de Carnaval. “No Carnaval de 1948, alguns meninos resolveram sair às ruas vestidos de mulher. As irmãs de um deles se entusiasmaram e capricharam na maquiagem e nas roupas. Ao se verem em frente ao espelho, chegaram à conclusão que estavam tão perfeitos que correriam o risco de receber algumas cantadas”, disse. Hoje já se sabe que mulher não é fantasia, mas na época os garotos saiam inocentes ao som da bateria do Leão.

Sempre com um “quê” de teatral, uma das inspirações do bloco foi o mito da Loira do Bonfim – lenda urbana sobre uma mulher que encantava os rapazes e os levava para a sua casa, que na verdade era o cemitério do Bonfim, e eles desapareciam. “Em homenagem a ela, foliões colocavam perucas loiras, exageravam no batom vermelho e, em um misto de teatro e samba, desfilavam pelas ruas do bairro”, relembra.

Mas em 1975 que parte da festa se encerrou: uma dissidência entre músicos e foliões levou à fundação da Banda Mole. E dez anos depois, o leão adormeceu por sérios problemas financeiros. “Somente em 2010 começamos a discutir novamente a volta do bloco, que aconteceu de fato no Carnaval de 2017. Até arrepio, dá vontade de chorar”, disse Jairo. O bloco já é uma das atrações confirmadas para o próximo ano e terá comemoração especial. 

A primeira festa da cidade aconteceu antes mesmo da sua fundação, no século XIX:

1897 – operários desfilaram na Praça da Liberdade

1910 – começam os desfiles em carros alegóricos, o corso

1930 – formada a primeira escola de samba de BH

1975 – estreia da Banda Mole

1980 – desfile das escolas de samba e blocos caricatos na avenida  Afonso Pena

1990 – fim do carnaval na Afonso Pena

2010 – volta dos blocos de rua

Loading...
Revisa el siguiente artículo