Linha 11 da CPTM é interrompida para manutenção de viaduto

Por Rádio Trânsito Caçula de Pneus
Willian Kury/Rádio Bandeirantes
Linha 11 da CPTM é interrompida para manutenção de viaduto

A linha 11 da CPTM está interrompida nesta quinta-feira (23) entre as estações Luz e Brás para manutenção no Viaduto Fepasa, atingido por um caminhão no último domingo, quando parte do concreto cedeu e vitimou a juíza Adriana Nolasco da Silva.

A prefeitura de São Paulo admitiu ter feito uma vistoria horas antes do acidente, mas a conclusão foi de que o local não apresentava dano estrutural que colocasse a população em risco.

 Informou ainda que uma nova vistoria foi realizada na última segunda-feira e, mais uma vez, atestou-se que não seria necessário interditar o viaduto. No entanto, a faixa da direita da Avenida do Estado segue bloqueada desde então no sentido de Santana.

 Cobrada, a prefeitura, por meio da Secretaria de Regionais, informou que o pedido de esclarecimento do motivo do bloqueio deveria ser encaminhado à CET.

A Companhia, por sua vez, se limitou a dizer que a faixa seguia interditada, sem mais detalhes.

 A SPObras disse que a responsabilidade sobre o viaduto é da CPTM, que finalmente confirmou haver um bloqueio para manutenção, que será realizada todos os dias das dez da manhã às três da tarde.

Não explicou, no entanto, que tipo de obra está sendo realizada, até quando haverá bloqueios, e não informou também sobre a interrupção da linha 11.

A CPTM orienta que o usuário use a linha 7 da CPTM a partir da estação Brás para concluir o trajeto.

Loading...
Revisa el siguiente artículo