Sinal analógico de TV será desligado no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte

Por Agência Brasil
Pixabay
Sinal analógico de TV será desligado no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte

O sinal analógico de televisão será desligado hoje (22), às 23h59, nas cidades do Rio de Janeiro e Belo Horizonte e mais 56 municípios localizados no entorno das duas capitais. Com isso, a partir deste horário, não será mais possível receber as transmissões na TV com este sistema.

O processo de transição para a TV digital no Rio de Janeiro e Minas Gerais será concluído hoje, mas quem não conseguir fazer a mudança ainda terá condições de passar para o sistema digital.

“Vai ser desligada a transmissão do sinal analógico, então, quem ainda está vendo um A no seu televisor hoje, significa que a pessoa ainda não se preparou e amanhã não vai conseguir assistir a televisão. Essa pessoa pode se preparar para receber o sinal digital. Isso não se esgota. Quem deixou para a última hora e não fez a mudança poderá fazer ainda para poder assistir em sinal digital”, disse a gerente regional da Seja Digital, Vivian Bilhim. A instituição não governamental e sem fins lucrativos foi criada por determinação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para desenvolver a migração do sinal analógico para o digital, em parceria com emissoras de televisão e com o comércio.

Para ter acesso ao sinal digital é preciso comprar os equipamentos necessários, que durante o processo de transição foram oferecidos com preços mais baixos nos feirões digitais da Seja Digital. Essas ações, segundo Vivian, facilitaram a vida dos consumidores fluminenses, principalmente em regiões mais populares como Baixada Fluminense, zona oeste da capital e São Gonçalo, na região metropolitana da cidade.

“Ao todo foram realizados 144 feirões digitais. Foram comercializados mais de 300 mil itens, seja antena, seja conversor, e a população procurou bastante, porque os preços estavam muito melhores do que em outros lugares”, analisou a gerente.

Kits grátis

Os beneficiários de programas sociais do governo federal, como Bolsa Família e Minha Casa Minha Vida, têm direito a receber os equipamentos de graça e ainda podem retirar os kits nos postos de atendimento da Seja Digital até o fim de novembro, mediante agendamento e apresentação do Número de Identificação Social (NIS).

“As pessoas que ainda não fizeram o agendamento podem entrar em contato com a Seja Digital pelo telefone 147, a ligação é gratuita e funciona sete dias por semana, 24 horas por dia”.

Até agora, segundo Vivian, 1,16 milhão de kits foram entregues em todo o estado do Rio de Janeiro, pouco menos que os 1,2 milhão previstos inicialmente. “A gente conseguiu atingir a meta de agendamentos e distribuição”, disse a gerente.

Rio de Janeiro – Monitor da Seja Digital ensina famílias que receberam o equipamento a realizar a instalação do kit de TV digital (Tomaz Silva/Agência Brasil)
Instrutor da Seja Digital ensina famílias a fazer a instalação do kit de TV digital Tomaz Silva/Agência Brasil
O desligamento do sinal da TV analógica no Rio de Janeiro foi autorizado após pesquisa apontar que 90% dos domicílios estavam aptos a receber o sinal digital de TV, percentual mínimo exigido para encerrar as transmissões analógicas de TV.

No estado do Rio, além da capital, estão incluídos Belford Roxo, Duque de Caxias, Guapimirim, Itaboraí, Itaguaí, Japeri, Magé, Maricá, Mesquita, Nilópolis, Niterói, Nova Iguaçu, Petrópolis, Queimados, São Gonçalo, São João de Meriti, Seropédica e Tanguá. Em todas essas cidades, a população atingida soma 12,4 milhões de pessoas.

Já em Minas Gerais, o desligamento atinge Belo Horizonte e as cidades de Araçaí, Baldim, Betim, Brumadinho, Cachoeira da Prata, Caeté, Capim Branco, Confins, Contagem, Esmeraldas, Florestal, Fortuna de Minas, Funilândia, Ibirité, Igarapé, Inhaúma, Itaúna, Jequitibá, Juatuba, Lagoa Santa, Mário Campos, Mateus Leme, Matozinhos, Nova Lima, Pedro Leopoldo, Prudente de Morais, Raposos, Ribeirão das Neves, Rio Acima, Sabará, Santa Luzia, São Joaquim de Bicas, São José da Lapa, São José da Varginha, Sarzedo, Sete Lagoas, Taquaraçu de Minas e Vespasiano. No estado, a mudança para a TV digital deverá atingir uma população de 5,5 milhões de pessoas.

Com esta etapa do desligamento do sinal analógico em cidades fluminenses e mineiras, a implantação do Sistema Brasileiro de TV Digital vai atingir 193 municípios e beneficiar uma população de cerca de 60 milhões de pessoas.
Até agora, o sinal analógico já foi desligado em Brasília e nove cidades do Entorno do Distrito Federal; São Paulo e 38 cidades do estado; Goiânia e mais 28 municípios de Goiás; Recife e outras 13 cidades de Pernambuco; Salvador e mais 19 cidades da Bahia; Fortaleza e outras 14 cidades do Ceará; Vitória e mais seis cidades do Espírito Santo.

São Paulo

De acordo com o cronograma de implantação da TV digital, na próxima quarta-feira (29) será a vez de Campinas, em São Paulo, e mais 84 cidades próximas; Franca e outros 24 municípios da região; Ribeirão Preto e mais 19 cidades; Santos e outras oito cidades; e mais 19 cidades do Vale do Paraíba, também no estado de São Paulo.

Em Cuiabá e Campo Grande, o desligamento está previsto para 14 de agosto de 2018.

Loading...
Revisa el siguiente artículo