Hospital Universitário da USP interrompe atendimento de pronto-socorro infantil

Por Rádio Bandeirantes
Estudantes fizeram ato em defesa do Hospital Universário na semana passada - Bruno Rocha /Fotoarena/Folhapress
Hospital Universitário da USP interrompe atendimento de pronto-socorro infantil

Como a Rádio Bandeirantes havia antecipado, o Hospital Universitário da Universidade de São Paulo (USP) interrompeu nesta terça-feira (21) o atendimento do pronto-socorro infantil. Estão sendo recebidos apenas pacientes encaminhados pelas unidades de saúde da região para internações de urgência.

Na semana passada, estudantes de Medicina e Enfermagem entraram em greve por causa da falta de profissionais.

A situação tem se agravado desde 2014 com a implantação do Programa de Demissão Voluntária, que resultou na perda de mais de 200 funcionários. Outros profissionais acabaram pedindo as contas devido à sobrecarga de trabalho.

O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo já cobrou da Reitoria da USP uma solução definitiva para a crise.

Loading...
Revisa el siguiente artículo