Parque Ecológico do Tietê também fechará por causa da febre amarela

Por Rádio Bandeirantes
Divulgação
Parque Ecológico do Tietê também fechará por causa da febre amarela

A partir de sábado, o Parque Ecológico do Tietê, na zona leste de São Paulo, ficará fechado temporariamente por prevenção contra a febre amarela.

Em coletiva de imprensa neste momento, o secretário estadual da Saúde, David Uip, informou que outro macaco foi encontrado morto no local.

 O animal foi eletrocutado, mas exames laboratoriais deram positivo para o vírus da febre amarela. Nos próximos dias, o Ministério da Saúde vai enviar a São Paulo mais 2,8 milhões de doses da vacina.

A imunização será expandida para todas as cidades das regiões do Alto Tietê e Osasco, entre novembro e dezembro. O Horto Florestal e o Parque da Cantareira serão reabertos para a população em janeiro.

Até lá, continua o trabalho de varredura realizado pelo Centro de Vigilância Epidemiológica para monitorar a circulação do vírus de febre amarela. Em 2017, houve no Estado de São Paulo 23 casos silvestres de febre amarela, com 10 óbitos.

Loading...
Revisa el siguiente artículo