'Pancadões' continuam em Paraisópolis mesmo após ação da PM, relatam moradores

Divulgação
'Pancadões' continuam em Paraisópolis mesmo após ação da PM, relatam moradores
Por: Metro Jornal, com BandNews FM

Mesmo após uma grande operação da Polícia Militar em Paraisópolis, na Zona Sul de São Paulo, os chamados “pancadões” aconteceram no último final de semana. A ação tinha como objetivo combater a realização do “Baile da Dezessete”, na Rua Ernest Renan.

Cerca de 100 policiais militares e guardas civis ocuparam parte da comunidade, na noite do último sábado (15) – mas não encontraram nenhuma movimentação do baile funk.

No entanto, moradores e comerciantes relatam que o pancadão aconteceu sim, assim que a polícia deixou o local, por volta das 4 horas da manhã.

Uma moradora de um condomínio, que fica a 1 km de onde ocorreu a operação, relata sobre um baile funk que começou no sábado à tarde e só terminou no domingo de manhã. Segundo ela, o pancadão apenas mudou de lugar.

A BandNews FM questionou a Polícia Militar e a Prefeitura de São Paulo sobre o baile funk que aconteceu após a operação, mas ainda não recebeu uma resposta.

Leia mais:
Anitta critica proposta que quer criminalizar o funk no Brasil
‘Vou lutar contra’, diz Valesca Popozuda sobre proposta de criminalização do funk

Lei do Pancadão

Em vigor desde fevereiro deste ano, a lei 16.049 proíbe a realização de bailes funk em todo o Estado de São Paulo e prevê a apreensão dos equipamentos pela Polícia Militar caso haja perturbação do sossego. A multa é de R$ 1 mil e pode chegar a R$ 4 mil se houver reincidência em um período de 30 dias.

Loading...
Revisa el siguiente artículo