Acidente de ônibus que ia de São Paulo para Bahia deixa 11 mortos

Por Estadão Conteúdo

Um ônibus com 34 passageiros tombou e deixou pelo menos 11 mortos nesta segunda-feira na BR-251, em Salinas, no Norte de Minas Gerais. Outras 19 pessoas ficaram feridas e foram encaminhadas para hospitais da região, algumas em estado grave. De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), o veículo saiu de São Paulo e seguia para Euclides da Cunha, na Bahia – a cidade fica a 872 km de distância do local do acidente.

O tombamento do ônibus aconteceu em uma curva, na altura do km 317, e há a suspeita de que o veículo estava em alta velocidade. Os trabalhos para remoção duraram até a noite de segunda.

As vítimas foram socorridas por quatro equipes do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e outras três do Corpo de Bombeiros. Até o fechamento deste edição, a perícia não havia identificado todos os corpos, que estão sendo levados para o IML de Montes Claros, também no Norte de Minas. Entre os mortos estão duas crianças, de um e oito anos, além de uma adolescente que estava grávida, conforme a PRF. A pista chegou a ficar interditada nos dois sentidos e um guincho foi usado pelas autoridades locais.

Segundo os Bombeiros, quatro pessoas não necessitaram de atendimento médico. Todos os passageiros são moradores da capital paulista e passariam o feriado de São João, comemorado no próximo sábado, na cidade do Nordeste baiano. A prefeitura do município decretou luto oficial de três dias. Os sobreviventes foram levados para o Centro de Assistência Social de Salinas.

Clandestino

A PRF informou que o ônibus é irregular e não possui licença para o transporte interestadual de passageiros. Ele estava cadastrado no nome de uma pessoa física, que ainda não foi localizada pela corporação.

Assim que aconteceu o acidente, o motorista do ônibus fugiu do local sem prestar socorro às vítimas. Ele deve responder criminalmente. 

Loading...
Revisa el siguiente artículo